Dicas de negócio Para trabalhar em casa

 

 

Algumas pessoas sonham em  aprender como fazer doces para vender e ter a oportunidade trabalhar em casa, porém não sabe de qual tipo de negócio investir. Bem em primeiro lugar você tem que definir o que você gosta de fazer  para então decidir em qual nicho ou segmento de mercado vai escolher.

 

 

Então vamos a algumas dicas de negócio que você poderá montar em sua casa.

 

  1. Decoração de bolos

É um nicho de mercado que cresce muito a cada dia. Muitas pessoas têm se especializado na decoração de bolos, com detalhes cada vez mais sofisticados. Muitas  delas trabalham de forma e  autônoma.

 

 

  1. Fabricado e de doces ou pimentas em conserva

Fabricação de doces de frutas para revenda. Um fator positivo da fabricação de doces e compotas é que estes produtos contam com durabilidade maior. Higiene e apresentação do produto são fatores fundamentais neste negócio dar certo.

 

3 Fabricar de comida congelada

Outro segmento que também só vem crescendo, é o de refeições ou salgados congelados é uma boa opção para quem tem talentos culinários e quer iniciar um negócio em casa. Pode ser uma receita de família ou aquele pão de queijo que só você sabe fazer, o importante é dar o primeiro passo escolhendo um produto e se organizando para dar início ao negócio.

 

  1. Passeador de cães

A ideia foi importada e está ganhando muitos adeptos aqui no Brasil. Os donos de cachorros que trabalham o dia todo contratam pessoas para passear, alimentar e brincar todo dia com os seus cãozinhos. O serviço geralmente é cobrado por mês é promete dar um bom dinheiro.

 

5 Confecção de velas, sabonetes e produtos aromáticos

O mercado para produtos aromáticos está crescendo bastante nos últimos anos no Brasil. Hoje, é possível atuar a partir de uma pequena estrutura em casa e revender para lojas ou pela internet. Os produtos vão desde velas decorativas até lembrancinhas para maternidade.

  1. Redator de conteúdo (sites e redes sociais)

Este profissional deve saber escolher a melhor forma de expressão para seu cliente se comunicar através de sites e redes sociais. Ele pode trabalhar de forma autônoma e buscar seus próprios clientes (geralmente empresas) ou trabalhar para uma agência de conteúdo/comunicação. Domínio da língua portuguesa é fundamental.

 

 

  1. Blogueiro

Se você é especialista em determinado assunto pode criar um site/blog sobre o tema e tornar-se um blogueiro. Os blogs mais acessados podem contar com anúncios pagos (de empresas anunciantes ou Google AdSense, por exemplo), posts patrocinados e outras formas de remuneração.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *